Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Manutenção de aposentadoria especial e pedidos de reajuste para a GCM marcaram audiência pública de Segurança em Taboão

Por Sandra Pereira | 22/04/2015

audiencia_1

Cynthia GonçalvesAudiência pública da Comissão de Segurança realizada na sexta-feira, 17, 

Agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) de Taboão da Serra lotaram o plenário da Câmara durante audiência pública da Comissão de Segurança realizada na sexta-feira, 17, realizada para apresentar balanço das ações da corporação e das propostas que devem compor o novo estatuto da GCM. Durante a audiência o prefeito Fernando Fernandes assumiu o compromisso de “brigar” para manter aposentadoria especial da guarda. Durante o evento os vereadores defenderam aumento salarial para os integrantes da GCM assim como a volta de benefícios perdidos no atual Estatuto.

Foi a primeira vez na história da Casa que o prefeito participou dos trabalhos de uma comissão interna. O fato foi amplamente destacado e celebrado pelo vereador Eduardo Nóbrega, líder do governo na Câmara e presidente da comissão de Segurança Pública da Casa. A segurança se destaca entre as principais demandas da população de Taboão da Serra.

“O Ministério Público questionou a lei que fizemos para garantir a aposentadoria da GCM. Fizemos uma avaliação e concluímos que o pagamento é justo. Vamos encarar isso e forçar o Congresso Nacional para que regulamentem a aposentadoria especial. Agora a GCM tem poder de polícia e nós não podemos voltar atrás porque o congresso parou”, garantiu o prefeito.

Eduardo Nóbrega disse que o compromisso do prefeito com a GCM ficou visível durante a audiência. Salientou que a decisão política e pessoal do prefeito de garantir a aposentadoria especial é positiva. Também lembrou que o atual estatuto tirou direitos da corporação entre os quais estão quinquênio e anuênio. O vereador disse que vai ficar vigilante para que o novo estatuto em fase de elaboração corrija os erros do anterior e traga benefícios aos guardas.

O vereador Marcos Paulo citou que a Lei do Pancadão, de sua autoria e do vereador Eduardo Nóbrega, ajudou a otimizar o trabalho da GCM na cidade. Ele cobrou a reativação da base da GCM no Pirajuçara e lembrou ter destinado emenda de R$ 1 milhão no orçamento da cidade para garantir sua implementação. O vereador Moreira reforçou o pedido de Marcos Paulo e reivindicou uma base próximo ao semáforo no limite de Taboão com o Campo Limpo.

O clima de disputa acirrada entre a situação e a oposição ganhou espaço na audiência. De um lado os governistas lembraram que a corporação foi sucateada no governo passado e citou os investimentos recentes como a compra de viaturas, armas, coletes e a implantação de bases. Também ressaltou o compromisso de garantir melhorias salariais. A oposição bateu no fato do salário da guarda está defasado em relação às corporações da região, cobrou aumento real de vencimentos e não poupou críticas a gestão da pasta de segurança pública.

Durante os trabalhos o secretário Gerson Brito criticou ações dos vereadores Moreira e Lune e ambos rebateram as críticas e ainda acusaram o secretário de ser rígido demais no comando. Lune chegou a dizer que se sentia como Gepeto a ver darem vida a ilusões sobre a GCM e foi enfático ao pedir aumento salarial para os agentes.

Ronaldo Onishi disse que era irrelevante discutir quem tolheu direitos da guarda e que o mais importante seria defender a recuperação dos mesmos assim como a melhoria do subsídio.

Fazia mais de dois anos que a comissão de Segurança Pública da Câmara Municipal não se reunia. Dar novo ânimo às comissões internas da Casa é uma proposta da atual mesa diretora.

23/05/2018

Johnatan Noventa aprova projeto para sinalizar locais com acidentes frequentes

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade, na sessão desta terça-feira, 22, o...

23/05/2018

Câmara aprova voto de louvor a inspetores da PRF após blitz contra a exploração

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade, na sessão desta terça-feira, 22,...

22/05/2018

Vereadores e PRF fizeram blitz contra o Abuso e a Exploração Sexual de Crianças

Uma parceria inédita entre o Poder Legislativo de Taboão da Serra e a Polícia Rodoviária Federal...

22/05/2018

Juninho Silvestre deixa Secretaria de Governo e será assessor do prefeito Jorge

O advogado Cláudio Silvestre Júnior, o Juninho, foi exonerado da Secretaria de Governo de...

22/05/2018

Vereador Marcos Paulo realizou 1º Fórum do Maio Amarelo de Taboão da Serra

O vereador Marcos Paulo, o Paulinho promoveu na Câmara Municipal de Taboão da Serra, no sábado,...

21/05/2018

Manifestantes pedem manutenção de convênio com Solar dos Unidos em Taboão

Um grupo de manifestantes marcha na manhã desta segunda-feira, 21, na Rodovia Régis Bittencourt,...

20/05/2018

Aprígio recebe honraria de Embaixador da Paz Mundial

O taboanense irá representar 180 países e atuará na formação e na expansão de uma aliança...

18/05/2018

Prefeito Fernando Fernandes recebe Selo de Reconhecimento Social

O prefeito Fernando Fernandes foi condecorado, nesta quinta-feira, 17 de maio, com o “Selo de...

17/05/2018

Joice Silva e Johnantan Noventa farão blitz contra a Exploração Sexual em Taboão

A vereadora Joice Silva, presidente da Câmara Municipal de Taboão da Serra e o vereador...

16/05/2018

Vereador Alex Bodinho aprova lei criando Dia do Agente Comunitário de Saúde

Com alegria genuína, o vereador Alex Bodinho comemorou a aprovação do seu 1º primeiro projeto de...

23/05/2018

Caminhoneiros voltam a fechar BR em Embu das Artes contra preço do diesel

Pelo terceiro dia seguido, caminhoneiros protestam contra a alta no preço do diesel e bloqueiam...

23/05/2018

Johnatan Noventa aprova projeto para sinalizar locais com acidentes frequentes

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade, na sessão desta terça-feira, 22, o...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.