Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Sem acordo greve dos coletores de lixo será julgada pelo Ministério Público do Trabalho e TRT

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 9/04/2015

greve

Sandra PereiraColetores de lixo chegaram a fazer passeata em forma de protesto em Taboão da Serra 

Após duas semanas de paralisação, na região o município de Taboão da Serra continua em greve e a coleta de lixo está prejudicada nos últimos dias. Já foram realizadas três audiências de conciliação que terminaram sem acordo, uma vez que o embate entre Selur e Femaco continua e o reajuste salarial não é determinado para beneficio de ambas as partes. Inicialmente o pedido da categoria era de 11,73% porém após reajuste proposta de 9,5%, que deu fim nas greves de alguns municípios parecia que seria decretado fim da greve geral, mas em Taboão a situação é diferente, o sindicato aceita os 9,5% mas os patrões insistem em 8,5%. 

Dessa forma, a questão passa para julgamento sem data ainda para ocorrer. "Ainda sem data para ocorrer, o julgamento do dissídio coletivo envolvendo a categoria decidirá, dentre outras questões, sobre a legalidade da greve, compensação dos dias parados e aplicação de multas por descumprimento da liminar – ainda em vigor – que determina o funcionamento de 70% dos serviços de limpeza pública, coleta domiciliar e varrição de ruas e 100% dos serviços de coleta hospitalar e aterro sanitário. A multa diária por descumprimento foi fixada em R$ 100 mil", diz assessoria de imprensa do TRT. 

De acordo com informações da Femaco, em Taboão da Serra por exemplo, os profissionais têm sofrido ameaças dos moradores de regiões periféricas. “Estamos preocupados com a integridade física do nosso pessoal que estão submetidos a trabalhar sob escolta policial. Muitos têm recebido graves ameaças, isso sem contar que tivemos um caminhão coletor sequestrado. Apenas reivindicamos por um salário digno, enquanto o sindicato patronal e algumas autoridades municipais mostram-se desinteressados na solução desse caos. Estamos falando de saúde pública e isso não pode ser mais postergado pela falta de sensibilidade e intransigência dos patrões. Como todos sabem, há uma liminar que determina que 70% do serviço seja realizado, e de contrapartida há revolta por parte de alguns moradores. Não temos culpa, estamos cumprindo uma decisão judicial, e, repito, lutando por melhores condições de vida”, desabafou o presidente do Siemaco Taboão, Donizete França.

Muitos moradores defendem ser legitima a greve porém as consequências são sentidas nas ruas, muitos pontos da cidade com uma concentração grande de lixo domiciliar, que nem mesmo a ação emergencial da prefeitura do município tem dado conta de solucionar o problema. Desde o inicio da greve no dia 23 de março, a prefeitura acionou o plano com os funcionários da Secretaria de Manutenção com o objetivo de minimizar os efeitos causados pela paralisação até que o serviço fosse retomado em 100%. 

Rebatendo as criticas que apontam que atraso de pagamento seria o problema causador da greve, a empresa CAVO declarou que os pagamentos da prefeitura para com a  empresa estão em dia. Em nota, a prefeitura afirma que não pode intervir nas negociações. "Por ser tratar de um serviço terceirado, a Prefeitura de Taboão da Serra não pode intervir nas relações e negociações entre a empresa, sindicato e os trabalhadores de coleta de lixo e varrição de ruas. Ao fechar contrato com a Prefeitura, a empresas estão cientes que nos valores fechados estão inclusos todos os custos, inclusive encargos sociais e trabalhistas", disse. 




19/04/2018

Moradores comemoram reforma de Praça em Taboão da Serra

Os moradores do Jardim Beatriz, em Taboão da Serra, estão comemorando a reforma e instalação de...

18/04/2018

Fórum São Paulo premiou Promotores do Desenvolvimento eleitos em votação direta

Com a presença de várias autoridades e homenageados, o Fórum São Paulo e o Grupo Organizado de...

12/04/2018

Adolescente de Taboão está desaparecido e família pede ajuda para encontrá-lo

O estudante Luiz Gustavo de Oliveira Vieira, de 14 anos, está desaparecido desde a segunda-feira...

12/04/2018

Moradores reclamam de barulho e música alta em bairro de Taboão

Há cerca de um ano, os moradores do bairro Jacarandá, em Taboão da Serra, vem sofrendo com o...

05/04/2018

Governo de São Paulo vai contratar 800 escrivães e 600 investigadores

As inscrições para o concurso que vai selecionar 800 escrivães e 600 investigadores começam às...

05/04/2018

OAB Taboão lança 3ª edição de revista impressa nesta quinta (5)

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Subseção Taboão da Serra, lança nesta quinta-feira (05) a...

04/04/2018

Concurso do TRT da 2ª Região vai oferecer vagas em Taboão, Embu e Itapecerica

O Tribunal Regional da 2ª Região, São Paulo, vai abrir novo concurso público autorizado para o...

04/04/2018

Procon de Itapecerica da Serra divulga os números do Mês do Consumidor

O Procon de Itapecerica da Serra informa que efetuou 3751 atendimentos durante as ações...

31/03/2018

Embu lidera ranking de estupros e Taboão sai na frente nos casos de roubo

Dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) mostram que a cidade...

25/03/2018

 Moradores de Itapecerica pedem justiça para adolescente de 14 anos assassinada

Em clima de absoluta comoção familiares, amigos,vizinhos e colegas de escola da adolescente de...

23/04/2018

Prefeito Fernando firma parceria com MP para implantação da Patrulha Guardiã

O prefeito Fernando Fernandes assinou na quinta-feira (3), o Termo de Cooperação com o...

23/04/2018

SAMU promove curso de primeiros socorros na Escola do Legislativo de Taboão

A Escola do Legislativo de Taboão da Serra recebeu no dia 19, no plenário da Câmara, a equipe do...

23/04/2018

Coletivo Itapecericano das Artes realizou o 1º Sarau Sem Nome

O coletivo Itapecericano das Artes  realizou no dia último 14 o 1º Sarau Sem Nome em Itapecerica...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.