Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Licitação deverá melhorar transporte e encarecer tarifa em Taboão da Serra

Por Sandra Pereira | 9/04/2015

licitacao

Sandra PereiraO edital da nova licitação do transporte deve ser lançado no dia 4 de maio

O novo modelo de transporte que a prefeitura de Taboão da Serra quer  implantar na cidade foi apresentado em audiência pública nesta quarta-feira,8. A proposta inclui bilhetagem eletrônica, uso do cartão Bom, gratuidade de duas horas para os usuários e integração física de linhas na região do shopping Taboão. Todas as novas linhas devem ser operados por uma única empresa, os ônibus devem ter idade média de 5 anos e máxima entre 10 e 12 anos. Serão equipados com ar condicionado, GPS, e câmeras de monitoramento. Tudo isso deverá vir acompanhado de aumento de tarifa. O novo valor da tarifa não foi apresentado. O contrato deve ter 15 anos com possibilidade de renovação por mais cinco. Atualmente existem 9 linhas, 114 ônibus que fazem mensalmente o transporte de mais 1,2 milhões de passageiros.

“A tarifa tem que aumentar. A cidade está há dois anos sem reajuste. Esse novo modelo trará muitos benefícios aos moradores e garantir transporte de qualidade. Vamos criar 4 linhas troncais e várias linhas fazendo alimentação dessas linhas troncais. Teremos otimização do sistema em torno de 20%. Os ônibus vão rodar menos e as pessoas vão chegar mais rápido ao seu destino”, disse o secretário Rinaldo Tacola.

O edital da nova licitação do transporte deve ser lançado no dia 4 de maio. O contrato atual entre a prefeitura e a empresa Pirajuçara vence em 1º de junho. O prazo é curto, mas até lá a Secretaria Municipal de Transportes pretende licitar e escolher a empresa que será responsável pelo transporte público no município nos próximos 15 anos com possibilidade de renovação de contrato por mais 5. Na audiência pública ficou clara a preocupação dos participantes com a manutenção dos empregos dos funcionários da viação Fervima e Pirajuçara, depois de ficar desenhado que a empresa não vai permanecer em Taboão.

Ao menos superficialmente audiência deu a impressão de que não há interesse em manter a  Pirajuçara em Taboão da Serra. Vários funcionários da empresa foram até o local e externar as suas preocupações em relação à manutenção do emprego o advogado da empresa Ivan Lima já anunciou que pretende brigar pra continuar atuando em Taboão. Ele disse que não há fiscalização do sistema, que a empresa não recebeu multas por má prestação de serviço e que a prefeitura não tem mantido contato para cobrar melhorias. Apesar disso a empresa continua trabalhando, implantando novas linhas e a todo instante deixando claro que tem interesse em continuar na cidade.

“Nosso objetivo não  é tirar a Pirajuçara é melhorar a qualidade do transporte público para os moradores de Taboão. O interesse da prefeitura é esse. Garantir que o transporte seja o melhor possível”, afirmou o secretário.

Antônio Alves presidente do Sindicato dos Condutores de Osasco e região propôs o reaproveitamento da mão de obra do dos funcionários da Pirajuçara pela outra empresa que venha atuar na cidade. Ele disse que a maior preocupação é com a manutenção dos empregos.

O líder do governo na câmara municipal vereador Eduardo Nóbrega propôs que o governo inicie um diálogo com a Pirajuçara, o sindicato e com os interessados em discutir o tema a fim de encontrar uma solução capaz de atender a maioria. Ele chegou a defender a permanência da Pirajuçara em Taboão e a melhoria dos pontos constantemente criticados pela população.

“Sou a favor do diálogo. Ficou claro aqui hoje que há a imperiosa necessidade de sentamos em uma mesa e tratar com todas as partes. Não vejo como uma nova empresa possa apresentar uma proposta que não passe por um aumento de tarifa acredito que esse caso pode ser resolvido numa mesa de diálogo com secretário o prefeito e os demais interessados”, disse.

O presidente da Comissão de Transportes da câmara municipal de Taboão vereador Ronaldo Onishi disse que a licitação não pode ocorrer sem que haja uma conversa entre o governo, a empresa e os representantes dos funcionários. Ele deixou claro que a câmara vai acompanhar de perto o processo salientou que é fundamental garantir a qualidade do transporte público para os usuários sem a demissão dos funcionários da Pirajuçara.

A vereadora  Érica  Franquini foi direto ao ponto e se declarou  a favor da permanência da Pirajuçara em Taboão. O Vereador Luiz Lune afirmou ter ido armado até os dentes até os dentes para audiência achando que tudo estaria direcionado a viação Pirajuçara. Ele disse que não é a favor da renovação de contrato, que não queria que a empresa continuasse na cidade pelo trabalho ruim que presta, mas também defendeu que é preciso encontrar uma solução para evitar demissão de funcionários e garantir a melhoria do transporte público em Taboão.

O vereador Moreira foi enfático ao afirmar que não pode encarecer a tarifa. “É preciso chegar a um denominador comum para manter o emprego dos funcionários e a população ganhar transporte de qualidade”, ponderou.

Durante a audiência o secretário recebeu algumas propostas entre as quais se destacam a catraca com os movimentos de ida e volta o tempo de maior gratuidade no domingo e à integração do sistema municipal com intermunicipal que acontece em algumas cidades da região.

Representantes da sociedade civil criticaram a má qualidade do transporte público, o atendimento recebido por alguns motoristas que destratam passageiros, relataram que os elevadores para deficientes estão sempre quebrados e criticaram a ausência de um plano de mobilidade urbana.

19/07/2018

“Patriotas” continuam acampando as margens da Régis e trânsito fica lento

Desde a manhã desta quinta-feira 19, um grupo de manifestantes denominados “patriotas” continua...

17/07/2018

Em um ano, EMTU cancela três linhas em Embu e Itapecerica da Serra

Entre Janeiro de 2017 e Maio de 2018, a EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos),...

17/07/2018

Grupo pede saída dos três Poderes, fecha Régis Bittencourt trava trânsito

Um pequeno grupo de pessoas autodenominados patriotas fechou a rodovia Régis Bittencourt em Embu...

11/07/2018

PRF encerra Operação 9 de Julho com diminuição dos mortos

O feriado de 9 julho celebra no estado de São Paulo a Revolução Constitucionalista de 1932,...

09/07/2018

Eleito campeão da Copa dos Recursos mais Incríveis da Lei Seca

Com a hashtag OSantoAjuda, a desculpa de um motorista que alegou ter perdido o controle do seu...

04/07/2018

Emcampa lança petição contra a retirada de cobradores das linhas intermunicipais

A plataforma Emcapa lançou uma petição online contra a retirada de cobradores das linhas...

03/07/2018

Estudantes itapecericanos devem fazer cadastramento no CadÚnico

A SPTrans prorrogou o prazo para estudantes comprovarem baixa renda e manterem gratuidade em...

30/06/2018

Motorista de carro de luxo atropela e mata três da mesma família em Campo Limpo

Um motorista de um carro de luxo é o principal suspeito de ter atropelado e matado três pessoas...

28/06/2018

Secretaria de Transportes convoca escolares para vistoria veicular obrigatória

A partir do dia 02, até 31 de julho, a Secretaria Municipal de Transportes e Mobilidade Urbana...

22/06/2018

Caminhão tomba e destrói veículo em Taboão da Serra

Um caminhão betoneira tombou sobre um veículo, que ficou completamente destruído, por volta do...

21/07/2018

Justiça federal proíbe bloqueio na Régis Bittencourt após protestos

A Justiça federal proibiu o bloqueio total do km 280 da rodovia Régis Bittencourt, na altura de...

20/07/2018

Projeto social de Jiu-Jitsu em Embu dá frutos e alunos conquistam medalhas

Guerreiros de Gideão é um projeto social que ensina a arte do Jiu-Jitsu para crianças carentes...

19/07/2018

TC encontra irregularidades no armazenamento de medicamentos em Itapecerica

Foi divulgado nesta quarta-feira 18, pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) um relatório onde...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.