Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Gerente diz que Pirajuçara cumprirá exigências da prefeitura para continuar em Taboão

Por Sandra Pereira | 6/04/2015

diretor

Sandra PereiraMaiquel Frandoloso diz que empresa acendeu alerta vermelho quando prefeitura recusou renovação automática e agora corre para atender exigências, vencer licitação e ficar na cidade

A empresa viação Pirajuçara está disposta a atender todas as exigências feitas pela prefeitura de Taboão da Serra para continuar sendo a responsável pelo transporte público na cidade. Depois da prefeitura negar a renovação automática do contrato de concessão por mais cinco anos, como havia sido pedido pela empresa, o alerta vermelho dos diretores acendeu  diante da possibilidade de ter que deixar  Taboão. Agora a Pirajuçara corre contra o tempo pra ficar na cidade, manter o emprego dos mais de 500 funcionários, investir para atender o novo modelo de transporte que o município pretende implantar e atender às necessidades dos usuários. A meta da empresa é participar e vencer a nova licitação do transporte municipal.

“Nós temos todo interesse de permanecer em Taboão e vamos fazer todos os investimentos que forem preciso pra continuar responsáveis pelo transporte público. A posição da empresa é clara: atender todas as exigências da prefeitura e continuar operando o transporte público no município” afirma Miquel Frandoloso, Gerente de Tráfego da Fervima Pirajuçara. 

Ele garante que a empresa não sabe nada sobre as mudanças proposta no novo edital de  licitação, que deve ser lançado nos próximos dias. Em tom  de preocupação o diretor afirma não dispor de maiores informações sobre o certame, mas ainda assim está se antecipando e implantando novas linhas, melhorando o atendimento aos usuários, investindo em ônibus novos e qualificando servidores. 

“Nós queremos permanecer em Taboão. Temos toda uma estrutura montada durante os 15 anos que estamos por aqui. Quando a prefeitura se recusou a renovar o contrato automaticamente acendeu o alerta vermelho na empresa. O que está em risco são mais de 500 empregos. A empresa não quer e nem vai se recusar a atender as demandas da prefeitura”,  observa o Gerente de Tráfego, acrescentando que em meio a toda essa incerteza a viação se deparou com a necessidade de se modernizar e fazer os investimentos necessários para melhoria da qualidade transporte público em Taboão da Serra. 

Audiência Pública x Licitação 

O transporte público será debatido amplamente durante audiência pública marcada para acontecer nesta quarta-feira, 8, no Cemur a partir das 9 horas da manhã. Leia mais aqui. Oficialmente ainda não há uma data definida para as empresas interessadas em participar da licitação do transporte público em Taboão entregarem suas propostas. Há uma expectativa grande sobre os rumos que deve ter o transporte na cidade. A audiência pública deve mostrar o tom que a prefeitura vai seguir em relação ao tema. 

Edna

Queria colocar esse povo todo dentro do circular 9. 1 no horario de pico. Mas por favor, Nao pegjem no final nao. Peguem ele no meio do caminho como pego todos os dias. E ainda sou obrigada a pagar 3,00 reia para ficar prensada erntre as portas e nos degraos do onibus.

Anonimo

Como pode chegar atrasado no trabalho por conta de não ter ônibus para vir trabalhar, chega no final do circular 06 e 05 e não tem ônibus isso e uma pouca vergonha que melhoras e essa e quando chega ainda fica enrolando pra sair, cade as melhoras sr. prefeito Fernando Fernandes.

Isaias de Lima Ferreira

Gostaria de parabenizar o Sr prefeito de Taboão da Serra Sr Fernando Fernandes, pela coragem e competência de fazer esta licitação.Pois já fui funcionário desta empresa, e só tem carros velhos e ultrapassados, são veículos que não passam mais na inspeção da EMTU e são reutilizados no município, pois não tem fiscalização e os motorista são obrigados a dirigir e cobrar. E a empresa não paga as horas extra certas de seus funcionários, o sindicato e conivente com a empresa,parabéns mais uma vez Sr prefeito Taboão merece o melhor, merece ser grande e reconhecido por todos e a população não merece andar de carroça, como estes ônibus da pirajuçara.

DEMISSÃO DE COBRADORES

MONOPÓLIO NO TRANSPORTES PUBLICO INTERMUNICIPAL DA PIRAJUSSARA E MIRACATIBA, SERÁ QUE A PIRAJUSSARA VAI COLOCAR COBRADOR? NA MIRACATIBA OS PASSAGEIROS JÁ ESTÃO NOTANDO QUE VARIAS LINHAS ESTÃO SEM COBRADOR, POR OUTRO LADO NÃO VAI APROVEITAR TODOS OS COBRADORES, SE NÃO TEM COBRADOR TEM QUE ABAIXAR A PASSAGEM PELA METADE. O CUSTO DO AUMENTOS DA EMTU JÁ ESTA INCLUSOS TODOS OS CUSTOS INCLUSIVE COBRADORES MOTORISTAS, MECÂNICOS E PEÇAS ETC. ENTÃO SE O COBRADOR ESTA SAINDO FORA NA MIRACATIBA E PIRAJUSSARA, ENTÃO DEVE ABAIXAR AS PASSAGEM PARA R$ 2,50.

Luca

Ah...complementando : o que está em risco não é os 500 empregos igual a "se diz preocupada" , pois essa mão de obra é recolocada em uma nova concessionária. Mas sim os altíssimos lucros que vão para o caixa da empresa e que pouco investe na qualidade que merecemos.

ADRIANO

Parece que alguém arregou em retirar a tal Pirajussara.

Luca

Não há risco de desemprego , pois em uma hipótese de mudança de concessionária , haveria a necessidade da CONTRATAÇÃO dos 500 funcionários pela nova. Torço para que essa empresa caia fora , pois o serviço são ruins. Tem cidade que a idade média da frota é de 3 anos , o nibus com WI-FI , são pontuais e motoristas educados ! Cabe também a prefeitura fazer o papel dela de fiscalizar e agir com transparência. Em 2016 , salvo engano , vence também o da EMTU deles...

Gomes

A prefeitura de Taboão da Serra adora exigir o cumprimento de regras para todos, mas, quando se trata de cumprir a parte da prefeitura desaparece ou não presta a devida atenção nem as suas instalações e funcionamento que estão faltando papel higiênico, copos descartáveis, material de limpeza, etc, vide SAMU, UPA...nem o básico conseguem prestar.

20/06/2017

19 pontos de ônibus vão ser trocados ou reformados em Taboão da Serra

Dezenove pontos de ônibus localizados em pontos estratégicos e de grande fluxo de passageiros...

19/06/2017

Jovens se envolvem mais em acidentes graves no trânsito

Segundo dados do INFOSIGA SP do mês de maio, feito pelo Movimento Paulista de Segurança no...

13/06/2017

Programa Mais Asfalto quer acabar com buracos e melhorar qualidade do asfalto

Há anos a má qualidade do asfalto das ruas de Embu das Artes é um dos principais problemas...

06/06/2017

Caminhão que transportava álcool tomba no Rodoanel e deixa trânsito lento

Dois caminhões se envolveram em um acidente no fim da manhã desta terça-feira (06), no Rodoanel...

30/05/2017

Avança Projeto de Lei que proíbe radares móveis em rodovias

A Comissão de Viação e Transportes (CVT) da Câmara dos Deputados em Brasília (DF) deu parecer...

29/05/2017

Acidente com um vítima fatal travou o trânsito na Régis Bittencourt em Taboão

Uma pessoa morreu por conta de um acidente grave envolvendo 5 veúlos no começo da noite deste...

25/05/2017

ANTT aprovou projeto do retorno na Régis para atender Taboão da  Embu

A Autopista Régis Bittencourt informou por meio de nota enviada à reportagem do Jornal na Net...

25/05/2017

Taboão inaugura Serviço de Acolhimento para Crianças e Adolescentes

O Dia Nacional da Adoção, celebrado nesta quinta-feira, 25, foi marcado em Taboão da Serra, pela...

24/05/2017

Vereadores cobram Bombeiros sobre AVCB do Pátio de Embu das Artes

Vereadores de Embu das Artes aprovaram durante a última sessão Legislativa um ofício ao Corpo de...

18/05/2017

Licenciamento: maio é o mês dos veículos com placa final 2

Quem tem veículo com placa final 2 fique atento: maio é o mês do licenciamento obrigatório. Caso...

23/06/2017

Vereadores de Itapecerica pedem criação de 3º Companhia da PM

A segurança pública vem sendo tema frequente durante as sessões na Câmara Municipal de...

23/06/2017

Inverno chegou, vai fazer frio, mas temperaturas estarão na média

E o frio chegou, o inverno começou as 01h24 desta quarta-feira (21), para quem gosta de frio já...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.