Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereadores de Itapecerica aprovam requerimentos e moção em sessão tranquila

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 25/03/2015

sessao_itap_1

Genildo RochaSessão ordinária aconteceu nesta terça-feira, dia 24, na Câmara Municipal 

Em sessão tranquila os vereadores de Itapecerica da Serra aprovaram requerimentos e comentaram as situações do município como a recente implantação da iluminação pública no Jardim Branca Flor. Além disso, destacaram a greve dos professores e em moção estenderam apoio aos funcionários que lutam por direitos de reajuste salarial e melhores condições de trabalho nas unidades escolares.   

 Em resposta ao questionamento da população, o vereador Jonas Feijó apresentou o requerimento nº47/2015, que questiona a administração municipal, para onde foi destinada a emenda parlamentar de R$ 390 mil enviada pelo deputado federal do PT, Carlos Zarattini, para investimentos no esporte. O requerimento também questiona porque não foi utilizada no bairro do Crispim. 

Também aprovaram a moção 08/2015, de autoria de todos os vereadores que apoiam a greve dos professores. A moção traz a informação que os vereadores são favoráveis aos professores que cobram aumento significativo para a equiparam salarial, além disso protestam contra o fechamento de salas de aula e a superlotação nas unidades escolares em decorrência desses fechamentos. A greve foi estabelecida por tempo indeterminado até que aja uma posição quanto as questões protestadas. 

Os vereadores utilizaram do tempo destinado na tribuna para fazer críticas ao governo e também esclarecer alguns pontos positivos da administração. O vereador Cícero Costa relembrou o caso do desvio de dinheiro da Câmara de R$ 2,4 milhões apenas em 2013, e disse que o caso não foi esquecido e destacou que não acusou o ex-presidente da Casa mas que segundo documentos os acusados atuavam desde 2010. O vereador Sangue Bom também destacou o caso e afirmou a importância da CEI para investigar as irregularidades da Casa de Leis. O vereador Gerson Lazarin também pediu uma resposta da promotoria com relação ao caso. 

O vereador Gerson Lazarin rebateu as críticas feitas com relação aos custos da prefeitura municipal e de forma clara falou que os vídeos que circulam na internet com relação a compra de pães e divulgação da feira noturna, o valor divulgado deve ser dividido pelo tempo de contrato e não apenas acusar pelo valor total apontado no Portal da Transparência, porque dessa forma mancha a imagem também da empresa contratada para tal serviço prestado à prefeitura. "Todos os dias nos podemos, todos nós agentes públicos podemos fazer um pouquinho mais para melhorar a vida do povo itapecericano", disse.  

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.