Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereadores ameaçam CPI contra Shopping Taboão pela não construção da alça de saída para Embu das Artes

Por Sandra Pereira | 4/03/2015

sessao_03

Cynthia Gonçalves

A Câmara Municipal de Taboão da Serra aprovou nesta terça-feira, 3, dois projetos de lei em regime de urgência. O primeiro  deles cria 632 cargos de técnico de enfermagem, por meio de concurso público, na prefeitura de Taboão da Serra. O segundo trata da  denominação de vias  públicas no loteamento Ponte Alta, uma área invadida e posteriormente urbanizada. Além da aprovação dos dois projetos os vereadores trataram sobre a saúde e a realização do mutirão contra da Dengue no dia 28. Mas o que esquentou mesmo o clima na sessão foram as críticas contundentes ao Shopping Taboão pela não construção da alça de saída para Embu das Artes. O presidente da Casa, vereador José Aparecido Alves, o Cido, chegou a propor  CPI contra o estabelecimento, anteriormente ele havia ameaçado cassação do alvará de funcionamento do local.

“Tivemos uma comissão especial aqui e o Shopping se comprometeu a construir a alça. Ainda que a BR seja municipalizada o estabelecimento deve esse compromisso a cidade. O prazo está se esgotando.Se for necessário vamos abrir uma CPI e porque não? Se o Shopping se recusar a fazer a alça a CPI será o caminho. Eles vão ter que explicar porque a alça consta no projeto inicial e não foi construída até hoje. Essa cidade tem representante e eles são comprometidos com a população”, argumentou o presidente.

O vereador Marcos Paulo foi quem trouxe à tona novamente o assunto da construção da alça de acesso do shopping Taboão no sentido de Embu das Artes, que foi prometida há mais de um ano numa reunião na Câmara Municipal, onde ficou definido que a construção seria feita até setembro de 2016. Paulinho disse que vai cobrar e não aceita meias verdades ou enrolação. Ele afirmou que não tem compromisso com o estabelecimento. Disse que não pediu voto no local e se comprometeu a apoiar a CPI contra o shopping observando que a atual Legislatura veio para fazer a diferença. Pela comoção que o tema provocou entre os vereadores ficou claro que a proposta da CPI contra o Shopping Taboão conta com pelo menos 5 assinaturas, número suficiente para viabilizá-la.

“A alça é uma questão da Casa. Nós não esquecemos e vamos cobrar. Esse vereador está de olho e vai cobrar. Não adianta vir com semáforo ou outra contrapartida. Se o shopping está pensando em fingir que vai construir a alça está enganado. Nós vamos cobrar. Se vier obra com semáforo vou cobrar que o Shopping entregue aos cofres municipais o valor correspondente a obra”, disparou Marcos Paulo.

O vereador Ronaldo Onishi reforçou a cobrança da alça e lembrou que o shopping fez duas ampliações, planeja a terceira, aumentou o valor da cobrança de estacionamento para R$ 7, 50 e ainda assim se recusa a construir a alça de acesso que é essencial na questão da mobilidade.

“Nós não iremos prevaricar. A CPI também tem a minha assinatura. Acredito que essa Casa deve trazer o Shopping aqui para prestar esclarecimentos sobre essa questão que é importante para a nossa cidade e a região. É preciso esclarecer a população de Taboão da Serra sobre o que está ocorrendo. Há notícias de que o projeto não foi apresentado a ANTT. Esse parlamento não é formado por meninos. O Shopping prometeu e vai ter que cumprir”, alfinetou.

A vereadora Joice Silva apresentou requerimento para cobrar explicações do Shopping em relação ao repasse que o estabelecimento deveria fazer ao Fundo Municipal da Criança e do Adolescente. Segundo ela desde 2012 o repasse não ocorre, mas, o tíquete de cobrança do estacionamento traz a afirmação de que parte do recurso é destinado ao fundo. Joice Silva lembrou que a doação é voluntária, mas que o estabelecimento se comprometeu a efetuá-la e ainda a utiliza a informação como meio de propaganda.

“Raramente o shopping imprime o cupom fiscal do estacionamento. Todas as vezes que vou lá tenho que pedir o cupom. Isso é uma grande sonegação aos cofres públicos. O repasse ao fundo é uma obrigação moral já que o shopping se comprometeu a fazer. Ele está enganando aos consumidores desde 2012 quando deixou de repassar os recursos ao fundo e ainda continua fazendo propaganda disso de forma irregular. Essa questão da alça não é brincadeira a cidade quer e vamos cobrar”, declarou.

Na sessão desta terça-feira, ficou mais que evidente que quem vai nadar de braçada na Câmara nos próximos dois anos é o líder do governo na Casa, vereador Eduardo Nóbrega. Ele respondeu prontamente e abafou em segundos as críticas frágeis que os vereadores da oposição fizeram ao governo, especialmente as que foram direcionadas a secretária de Saúde Raquel Zaicanner. A fragilidade das críticas foi evidenciada pelo fato delas terem sido colocadas e apaziguadas pelos próprios vereadores da oposição que admitiram ser atendidos com frequência pela secretária.

Dessa forma o líder acabou usando seu tempo para enaltecer as obras do governo e elogiar as próximas ações previstas entre as quais estão diversas inaugurações de escolas e creches.

Projetos de urgência

Os dois projetos de urgência do Executivo aprovados na longa sessão desta terça-feira, 3, foram considerados essenciais pelos vereadores. Para o presidente Cido as  duas urgências se justificam. A primeira pela necessidade da criação do cargo de técnico de enfermagem nos quadros da prefeitura.  “Todos sabemos que todo esforço em favor da saúde é essencial. A segunda vai trazer dignidade aos moradores do Ponte Alta. Hoje os moradores daquele local esquecido historicamente não recebem suas correspondências e sofrem com os transtornos dos extravios constantes”, afirmou .

A vereadora Érica Franquini lembrou que a prefeitura vai abrir 632 vagas para técnico de enfermagem por meio de concurso público. Ela disse que a função de auxiliar de enfermagem está se extinguindo enquanto a de técnicos está em ascensão.

Ronaldo Onishi fez alerta contra dengue, lembrou ação do último sábado contra a doença. Pediu empenho dos moradores em geral no combate aos focos do mosquito.

O capoeirista Gerson Ribeiro, o mestre Colher de Pedreiro, que mantém projeto no jardim São Salvador em Taboão da Serra, usou a tribuna para pedir a inclusão do dia comemorativo da Capoeira na cidade, em 23 de novembro. O projeto de autoria do vereador Professor Moreira deverá ser votado posteriormente.

Os vereadores aprovaram voto de louvor ao investigador da Polícia Civil, Luis Peniche, pelos relevantes serviços prestados à população da cidade. A secretária de Saúde Raquel Zacainer, também recebeu voto de louvor pela realização do ato contra a Dengue que ocorreu na cidade no sábado, 28.


Jorge

A historia sempre é a mesma só quando tem eleições funcionam as coisas, então vamos aproveitar o momento, já que esta historia vem de seculos e não é da agora. Referente a alça de saída, isto é outra historia de seculos, já o município não suporta mais todo o seu transito volcado para um lado só da BR. e não é só uma que esta se precisando mais varias para assim poder construir uma cidade menos burocrática e de mais fácil acesso, no fim quem ganha? não é a cidade, ou é quem? acho que até o mesmo shopping seria beneficiado com isto, pensando no atendimento de qualidade ao cliente, ou sera que não esta nem ai com a cidade de Taboão? POR UM TABOÃO MELHOR.

Gomes

Quando o Shopping foi inaugurado na cidade tinha político que possuía 10 lojas por lá, outros 2 lojas tudo em nome de terceiros, a inauguração do estabelecimento foi uma ação entre amigos na época e por isso que não estão preocupados em construir coisa alguma.

Rodrigo

Desde 2012 esses vereadores estão dormindo, só cobrar agora o Shopping é sinal que os políticos só funcionam em vésperas de eleições, acorda povo de Taboão da Serra, não adianta dizer que estão em cima, tem que fazer valer a pena nosso voto...vereador é o nosso representante e não celebridade, eles nos devem satisfação!

23/06/2017

Vereadores de Itapecerica pedem criação de 3º Companhia da PM

A segurança pública vem sendo tema frequente durante as sessões na Câmara Municipal de...

23/06/2017

Deputada Analice busca recurso para projeto Cultural

O prefeito Fernando Fernandes planeja colocar em funcionamento um Centro Cultural, que atenda...

20/06/2017

Vereadores de Taboão da Serra aprovam LDO em 1ª votação em sessão movimentada

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram em primeira votação nesta terça-feira, 20, a Lei de...

19/06/2017

Comissão de Finanças da Câmara de Taboão discute LDO 2018

A Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou na...

18/06/2017

Câmara de Taboão realiza ato “Fora Temer e a favor das Diretas Já”

Na última quarta-feira (14), foi realizada na Câmara de Taboão da Serra, uma plenária a favor...

16/06/2017

Câmara de Taboão faz Campanha do Agasalho para doar ao Centro POP

O frio chegou com força nas últimas semanas e deve continuar intenso pelos próximos meses. Para...

13/06/2017

Taboão da Serra terá plenária pelas Diretas Já nesta quarta-feira 14

Na próxima quarta-feira (14), várias organizações sociais irão realizar na Câmara Municipal de...

13/06/2017

Municípios paulistas recebem R$ 443 milhões em repasses de ICMS

O governo do Estado de São Paulo deposita nesta terça-feira, 13/6, R$ 443,11 milhões em repasses...

12/06/2017

Ney rebate críticas de Geraldo e diz que ele perderá eleição de deputado

O prefeito de Embu das Artes, Ney Santos (PRB) rebateu em entrevista ao Jornal na Net as...

11/06/2017

Secretário de Transporte e Dr. André Egydio apresentam propostas de mudanças

O vereador Dr. André Egydio reuniu aproximadamente 25 comerciantes da rua Luiz Carlos Ventura,...

23/06/2017

Vereadores de Itapecerica pedem criação de 3º Companhia da PM

A segurança pública vem sendo tema frequente durante as sessões na Câmara Municipal de...

23/06/2017

Inverno chegou, vai fazer frio, mas temperaturas estarão na média

E o frio chegou, o inverno começou as 01h24 desta quarta-feira (21), para quem gosta de frio já...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.