Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Moradores do Ponte Alta, em Taboão da Serra, reclamam da Eletropaulo e EMTU

Por Sandra Pereira | 27/02/2015

ponteee

ArquivoMoradores reclamam da falta da demora da Eletropaulo de regularizar luz e da falta de linhas de ônibus intermunicipais para atender moradores

Os moradores do loteamento Ponte Alta, em Taboão da Serra, enfrentam problemas diários por causa da demora da empresa AES Eletropaulo em concluir o processo de regularização das ligações elétricas que atendem as residências. A área começou a ser urbanizada em 2011, mas segundo os moradores, até o momento a Eletropaulo não concluiu a regularização que havia se comprometido a fazer perante a prefeitura e o Ministério Público, durante o processo de discussão da urbanização da área.

Outro problema grave que a comunidade enfrenta se refere ao transporte público intermunicipal. Apesar de bastante adensada a região é carente de linhas de ônibus, especialmente para Santo Amaro, onde trabalha boa parte dos moradores do loteamento. Em 2014 a prefeitura inaugurou apartamentos, quadra esportiva e área lazer no loteamento.

“Faz anos que a gente enfrenta problemas com a Eletropaulo. Teve gente que já perdeu tudo mais de uma vez quando a energia cai. Todo mundo quer regularizar mas a Eletropaulo faz corpo mole. Há dois anos a empresa parou o trabalho e não fez mais nada”, reclama seu José Carlos da Santana, morador da Quadra F.  

Ele diz que a Sabesp começou a instalação da rede de esgoto no mesmo período que a Eletropaulo começou a regularizar a luz. “A Sabesp demorou mais fez a parte dela. A Eletropaulo nem aparece mais. A gente chama. Os moradores pedem e eles não terminam o que se comprometeram a fazer”, observa.

Quem mora no Ponte Alta e precisa trabalhar fora mas não dispõe de condução própria reclama do descaso da EMTU com a população do bairro. Os moradores se arriscam saindo de madrugada e percorrendo a pé longas distâncias até o transporte público. O mesmo acontece na volta das atividades já tarde da noite.  

“Quem trabalha em Santo Amaro e mora no Ponta Alta tem que ir a pé até a Estrada das Olarias 4h30, 5 horas da manhã, correndo risco assalto e tantas outras coisas porque a EMTU não coloca ônibus para atender o loteamento”, reclama seu Antônio José Pereira Santos, morador da quadra H.

A duas reclamações dos moradores, contra a Eletropaulo e EMTU, já foram objeto de requerimentos e ofícios do presidente da Câmara Municipal de Taboão da Serra, vereador José Aparecido Alves, o Cido. 

O Ponte Alta é uma área urbanizada por meio de parceria entre os governos e  o Ministério Público. A região era uma das mais carentes de atuação do poder público em Taboão e por ter sido invadida não contava com nenhuma infraestrutura. 

Ao todo foram pavimentados  mais de 6 km de ruas, além da drenagem de águas pluviais, o que possibilitará a regularização completa do loteamento, beneficiando diretamente 1.426 famílias que moram no local.  

A regularização da área invadida em 2004 só foi possível graças a uma articulação inédita entre a Prefeitura, o Ministério Público, os  governos Estadual e  Federal e a comunidade. De acordo com os representantes dos órgãos envolvidos é a primeira vez que há uma soma de esforços capa de regularizar e levar infraestrutura a uma área tão problemática.

24/05/2018

Procon de Itapecerica multou posto acusado de vender combustíveis com preços abu

O Procon de Itapecerica da Serra multou o posto de gasolina que estava vendendo gasolina a R$...

24/05/2018

Em Taboão, Café Sensorial promove protagonismo de pessoas com deficiência

O Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (CMPD), ligado à Secretaria de Assistência Social...

24/05/2018

Motoqueiros fizeram ato na Régis, no centro de Taboão em apoio ao protesto

Motoqueiros realizaram protesto no início da noite desta quinta-feira 24, contra o aumento no...

23/05/2018

Governo faz reunião para discutir greve de caminhoneiros

O governo convocou para hoje (23), às 14h, uma reunião para discutir a paralisação dos...

11/05/2018

Após 6 meses de vigência, reforma trabalhista espera regulamentação

Meio ano após a implantação da reforma trabalhista, os resultados das mudanças ainda não são...

11/05/2018

Centro de Formação Continuada de Embu capacita 50 novos Guardas Civis

No dia 06 de Abril o Prefeito Ney Santos inaugurou as instalações do CEFECON (Centro de Formação...

11/05/2018

Em comemoração ao Dia das Mães Bom prato terá cardápio especial nesta sexta

Para comemorar o Dia das Mães que será celebrado no domingo, 13, as unidades do Bom Prato terão...

09/05/2018

Preço da cesta básica diminui em 16 capitais em abril, diz Diesse

A cesta básica diminui em 16 capitais no mês de abril, segundo dados da Pesquisa Nacional da...

08/05/2018

Vereadores e prefeito entregam título de Cidadão Taboanense ao padre Weliton

A presidente da Câmara de Taboão da Serra, Joice Silva e os vereadores Cido da Yafarma, Dr....

25/05/2018

Embu realiza Futebol Solidário das Estrelas neste sábado 26

Neste sábado 26 de maio, à partir das 9h, o município de Embu Das Artes irá realizar o Futebol...

25/05/2018

Caminhoneiros mantém bloqueio na BR; parte dos ônibus deixam de circular

A rodovia Régis Bittencourt segue com bloqueio de caminhoneiros em Embu das Artes. Os...

25/05/2018

Condutores escolares de Taboão da Serra fazem ato em apoio aos caminhoneiros

Os condutores de vans escolares começaram a manhã desta sexta-feira (25) com protestos em Taboão...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.