Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Doda e Edvânio recuam e repensam apoio ao vereador Ney Santos

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 4/12/2014

700_1

Genildo RochaVereadores Edvânio Mendes e Doda Pinheiros retiram apoio a candidatura de Ney santos 

Depois de concordarem vereadores voltam atrás na indicação para a mesa diretora do biênio 2015-2016. Na última sexta-feira, dia 28, a portas fechadas, os vereadores juntamente com o prefeito Chico Brito indicaram os nomes para formação da nova mesa diretora, que irá comandar a Câmara Municipal nos próximos dois anos. Na ocasião a mesa ficou formada por Ney Santos (presidente), Rosana Almeida (vice presidente), Edvânio Mendes (1º secretário) e Jefferson Siqueira, que permanece como 2º secretário. No entanto, na sessão desta quarta-feira, 03, o vereador Edvânio Mendes, tornou pública sua decisão de não compor a mesa diretora, que será votada oficialmente no dia 20 de dezembro, conforme determina a lei orgânica do município.  

A decisão causou polêmica e Edvânio Mendes chegou a receber indiretas dos demais vereadores. As questões ideológicas foram colocadas em jogo e Mendes afirma que sua decisão foi tomada unicamente com seu grupo político, e não tem qualquer ligação com a indicação do vereador Ney Santos, para presidente da Casa de leis. "O Ney merece meu respeito e ele como qualquer outro pode ser presidente aqui dessa Câmara, mas a minha decisão não é por ser o Ney. Essa é uma decisão do meu grupo político independente que quem for o presidente", disse Mendes. 

Em entrevista ao Jornal na Net, Mendes, faz uma ressalva na sua fala e garante que qualquer outro vereador teria seria seu voto, no entanto, faz duras criticas aos dois anos de mandato, do companheiro de partido Sandoval Pinheiro, e garante que o vereador caso fosse candidato para reeleição da presidência da Câmara, não teria o seu voto, devido posturas adotadas durante o cumprimento do mandato, enquanto presidente da Casa.  

"Uma pessoa que eu jamais votaria, se chama Sandoval Pinheiro. Sempre mantive minha palavra, que no primeiro biênio votei mas se ele fosse candidato, mesmo sendo do meu partido não votaria. Acredito que o posicionamento dele com a mesa não foi coerente, o posicionamento dele com o vereador do seu próprio partido não foi coerente", declara Mendes. 

Não é de hoje que a relação entre o vereador Edvânio Mendes e o presidente da Casa, Doda Pinheiro é um tanto conturbada, em muitos momentos deixaram a diplomacia de lado e foram protagonistas de uma verdadeira guerra política. Um recente caso, foi uma simples indicação que resultou em uma discussão política no plenário.  

Mendes, deixou claro na sessão desta quarta-feira, que os partidos estão sangrando e ratificou em entrevista que mandou recado para os demais edis. "Alguns não entenderam mas eu mandei recado. Quando falei de partido que esta sangrando e é preciso estancar, porque o vereador pra ser eleito precisa de um partido, e os partidos hoje esta diferenciado da forma que era, da discussão política e ideológica", disse. 

Em contrapartida, o presidente Doda Pinheiro, não esclareceu se o seu voto será no presidente indicado Ney Santos, ele afirma que a decisão final será tomada após conversas com o Partido dos Trabalhadores e também com o prefeito Chico Brito e independente da reunião feita na sexta-feira, 28, ele deixou no ar, que as coisas podem mudar na formação da mesa diretora. "Se uma coisa esta colocada da forma que esta, sem eu saber de fato o que esta por trás dessa negociação e dessa indicação não posso tomar posição, então precisamos avaliar. Até porque temos tempo, a votação será só no dia 20", alegou Doda. 

O vereador Doda Pinheiro, afirmou que a discussão política para nova mesa diretora será avaliada de forma cuidadosa, e será feito o melhor para o PT. Doda, não declarou seu voto contrário e tão pouco favorável ao indicado Ney Santos, e reafirmou que é preciso analisar e tomar uma decisão pessoal, que pode dessa forma ser diferente dos demais companheiros da base política. 

Questionado com relação, a decisão tomada pelo companheiro Edvânio Mendes, que retirou seu nome da indicação como primeiro secretario da mesa, Doda Pinheiro foi categórico em dizer que não tem uma opinião formada mas acredita que foi uma decisão muito bem pensada e analisada com o grupo político de Mendes, e chegou a tecer elogios pela fidelidade do vereador com seu grupo político. 

Com as mudanças, o nome cogitado para compor a mesa será do vereador Gilson Oliveira, que declarou na sessão, que assim como fala na Palavra de Deus, o sim será sempre sim e o não sempre não. E dessa forma, encara a disputa e seu nome ficará disponível para votação.

17/10/2017

Reforma eleitoral abre espaço para propaganda paga em sites

A reforma eleitoral, aprovada no Congresso Nacional e sancionada recentemente pelo presidente...

15/10/2017

Ney Santos fará reforma no governo de Embu, João Ramos deixará prefeitura

O prefeito de Embu das Artes, Ney Santos (PRB) vai anunciar nos próximos dias uma reforma...

13/10/2017

Câmara Municipal aprova reajuste de abono para servidores

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram na última terça-feira, dia 10, por unanimidade, um...

11/10/2017

Convenção realizada no domingo elegeu novo diretório do PSDB de Itapecerica

O diretório municipal do PSDB de Itapecerica da Serra realizou, no último domingo (8 de...

11/10/2017

STF deve decidir hoje se Congresso pode rever medidas contra parlamentares

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve decidir hoje (11) se parlamentares podem ser afastados do...

11/10/2017

Analice intercede por liberação de recursos para Embu das Artes

O prefeito de Embu das Artes, Ney Santos e a deputada estadual Analice Fernandes participaram de...

10/10/2017

Ney Santos lança Cartão Cidadão prometendo economia de recursos públicos

Anunciado como a maior ferramenta de gestão tecnológica de dados de toda a região, o Cartão...

17/10/2017

Seminário sobre desenvolvimento sustentável visa construir propostas no Conisud

Idealizado pelo mandato do deputado estadual Geraldo Cruz, da vereadora Rosângela Santos e com...

17/10/2017

Caixa e BB antecipam em dois dias pagamento do PIS/Pasep a correntistas

Com dois dias de antecedência em relação ao calendário oficial, os correntistas da Caixa...

17/10/2017

Reforma eleitoral abre espaço para propaganda paga em sites

A reforma eleitoral, aprovada no Congresso Nacional e sancionada recentemente pelo presidente...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.