Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Defesa Civil de Taboão da Serra interdita prédio do CDHU no Jacarandá

Por Prefeitura Municipal de Taboão da Serra | 15/07/2010

taboao 350_1.JPG

Engenheiro Edson Galina comunicou as famílias o motivo da interdição do prédio em Taboão

A Defesa Civil de Taboão da Serra interditou o prédio do CDHU no Parque Jacarandá na tarde do dia 12 de julho, e 40 famílias tiveram que deixar o local. O prédio, localizado na Avenida Governador Mario Covas, nº.81, desde dezembro de 2009 vem sofrendo com as constantes rachaduras que começaram a aparecer em todos os andares.

A princípio eram apenas três centímetros de trinca nas paredes, passados oito meses, o problema aumentou para aproximadamente 10 centímetros. Um auxílio moradia de R$ 400 reais será concedido pelo CDHU para as famílias.

O coordenador da Defesa Civil, Carlos Senna, explicou que sua equipe vem monitorando o local desde dezembro e por isso foi chegado o momento de interditar o prédio. “Quando fomos acionados pelos moradores foi constatada uma pequena trinca nas paredes. Vedamos o lugar com massa apropriada e pintamos para acompanhar a evolução do problema. Depois de alguns dias a rachadura tinha aumentado comprometendo a estrutura do prédio”, explicou.

Segundo o coordenador, a interdição foi necessária porque alguns moradores entraram em contato com a Defesa Civil alegando ter ouvido estalos entre as paredes. “Não podíamos mais correr o risco de deixar aquelas famílias morando naquele prédio. Em oito meses as trincas aumentaram sete centímetros e a Defesa Civil tem esse poder de interditar a partir do momento que detecta o risco iminente em qualquer que seja a situação”, ressaltou o coordenador.

Para o engenheiro da Defesa Civil, Edson Galina, “as famílias não podiam mais correr risco de vida. Um estudo precisa ser feito para descobrir o verdadeiro problema e depois disso será necessária uma obra emergencial. Mas, o estudo técnico e a obra são de responsabilidade do CDHU”.

Técnicos do CDHU estiveram no local e alertaram que as famílias realmente precisavam sair para preservar a integridade de cada um. “Os moradores precisam sair para ser concluído o laudo técnico e a partir daí é que vamos entrar com o cronograma das obras no local que deve levar uns seis meses para ser concluído”, afirmaram os técnicos.

De acordo com a Assistente Social do CDHU, Romilda Rodrigues do Amaral, “essas famílias serão assistidas durante oito meses com um auxílio moradia de R$400,00 reais mais as taxas condominiais”.

Por outro lado, os moradores aceitaram a ajuda do auxílio moradia, mas questionam a continuidade do pagamento das parcelas do apartamento. “Não tem cabimento continuarmos pagamento. O CDHU deveria cancelar enquanto estivermos fora daqui. Como vamos pagar por um lugar que corre o risco de cair e que só vamos voltar a morar sabe lá quando”, reclamou as famílias.

Foto e Texto: Ricardo Vaz

11/12/2017

Idosa de 76 anos desapareceu neste domingo em Taboão da Serra

Dona Ana Maria Barbosa, 76 anos,desapareceu quando estava indo para casa onde mora com a irmã e...

10/12/2017

Multidão lota Ginásio Ayrton Senna para acompanhar o Natal Nota 10

Mais uma vez uma multidão de pais e familiares de alunos compareceu ao Ginásio de Esportes...

08/12/2017

Jorge Costa inaugura Unidade de Saúde da Família no Jardim Montezano

O prefeito de Itapecerica da Serra, Jorge Costa, inaugurou na manhã dessa quinta-feira (30) a...

05/12/2017

Justiça autoriza prefeitura de Embu a voltar a cobrar taxa do lixo

Suspensa após liminar a taxa de lixo da cidade de Embu das Artes, volta a ser cobrada. A decisão...

04/12/2017

Aprovado Voto de Louvor à caminhada histórica pelo fim da violência à mulher

A Câmara Municipal de Itapecerica da Serra aprovou por unanimidade na sessão do dia 28,...

03/12/2017

Adolescente que pilotava moto e bateu em ônibus será sepultado na Saudade

O adolescente de 14 anos, conhecido como Tete, que morreu depois de bater na lateral esquerda de...

02/12/2017

Montagem da super estrutura do Embu Summer Fest começou

Texto e fotos: Assessoria de Imprensa do evento

Nesta semana, a A Luz Eventos deu início a...

01/12/2017

Família pede liberdade do carteiro de Embu preso em audiência onde testemunhava

Funcionário dos Correios de Embu das Artes há mais de 20 anos o carteiro Denivaldo Jesus de...

30/11/2017

Caminhada entra na história de Taboão como maior ato contra violência à mulher

Uma multidão de crianças, jovens, adultos e idosos caminhou em Taboão da Serra, vestida de...

11/12/2017

Idosa de 76 anos desapareceu neste domingo em Taboão da Serra

Dona Ana Maria Barbosa, 76 anos,desapareceu quando estava indo para casa onde mora com a irmã e...

11/12/2017

Ney Santos reajusta bolsa da Frente de Trabalho de R$ 350 para R$ 1.000,00

A partir de janeiro de 2018 os integrantes da Frente de Trabalho de Embu das Artes vão receber...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.