Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereador de Taboão tacha pares de capachos do prefeito e diz não votar em presidente frouxo

Por Sandra Pereira | 19/11/2014

casa

Sandra Pereira Em sessão marcada por embates Cido sentiu gostinho da presidência. Ele presidiu Casa a convite de Eduardo Nóbrega e comandou votação sobre mudança de sessão para nova sede da Câmara

Visivelmente rachada em razão da disputa pela presidência da Câmara de Taboão os vereadores protagonizaram novos momentos de embate, críticas, alfinetadas e recados na sessão desta terça-feira, 18. Dessa vez foi a oposição quem iniciou a queda de braço durante apreciação de requerimento proposto pela vereadora Luzia Aprígio (PSB), que pediu explicações sobre R$ 93 mil destinados à cidade por meio de emenda do deputado Ramalho da Construção. Moreira (PT) e Lune (PCdoB) defenderam a aprovação do requerimento com vigor, mas ele não foi votado. Os vereadores aprovaram alteração no regimento para mudar o locais da sessão para a sede própria da Câmara a partir do dia 2 de dezembro. A votação foi conduzida pelo vereador Cido da Yafarma (DEM) que assumiu a presidência a pedido de Eduardo Nóbrega (PR) e se mostrou muito confortável no cargo pelo qual está na disputa. 

Moreira taxou os vereadores de capachos do prefeito e declarou que não votaria em presidente frouxo. A crítica seria endereçada ao vereador Marco Porta, que atua como líder de governo. Porta também foi classificado por Lune de  office boy, após se dispor a buscar informações da emenda junto ao Executivo. Questionado pela reportagem Porta não descartou que as farpas de Moreira foram endereçadas a ele, mas de pronto disse que se tratava de interpretação pessoal e equivocada do colega.

“Presidente frouxo é o que obstrui os trabalhos dos vereadores, que impede a população de ter informações sobre o que ocorre na cidade. Presidente tem que ter pulso. A Casa é soberana. Vereador não pode ser capacho”, disparou Moreira ao ser questionado pelo Jornal na Net, acrescentando que ainda não definiu seu voto. “Não sei o que representa ser capacho ou presidente frouxo para o Moreira. Mas a partir do momento que ele não justifica a declaração dele não tem sentido”, respondeu Marco Porta.

Inconformada com a falta de votação do requerimento Luzia Aprígio disse que vai procurar o Ministério Público para levantar onde está o dinheiro da emenda enviada à cidade por Ramalho da Construção.

“Por enquanto estou pedindo informações. Mas também posso me dirigir ao Ministério Público, ou posso ir lá no prefeito perguntar onde está o dinheiro. A gente fica triste de tentar as melhorias e não conseguir, mas sou durona e desisto. Vou ao Ministério Público para saber onde está o dinheiro”, avisou.

Para o vereador Luiz Lune a vereadora Luzia Aprígio oxigenou a oposição e deu uma animada. Ele afirmou não existir um líder na ala oposicionista e disse que apesar de todos terem seus pontos de vista as opiniões convergem. Lune disse que a Casa só tem dois grupos um com 6 vereadores e outro com 7 e provocou afirmando que 7 é maior que 6.

Enquanto a oposição atuava com mais ênfase na sessão o presidente da Casa, Eduardo Nóbrega (PR), comemorava o “despertar” dos três opositores como sinal claro de que eles estariam fora do “jogo” pela presidência. Na tribuna ele disse que alguns ovos seriam quebrados durante o processo e aos jornalistas previu que seriam 3, em referência clara aos vereadores Luzia Aprígio, Lune e Moreira.

Nóbrega garantiu que o prefeito atendeu ao chamado e assegurou o cumprimento das regras do jogo presidencial na Casa, que seria não buscar voto na oposição. Ele já avisou que fora do cargo presidencial dedicará mais tempo para ler e investigar o contrato da administração com a SPDM, cobrar melhorias na educação e em segurança.

“Fora da presidência terei mais tempo para me dedicar as essas questões que são importantes para a cidade. A Casa toma muito nosso tempo. O PR fora da presidência vai atuar mais firme na questão política. Farei minha defesa do projeto de governo que levei às ruas junto com o prefeito Fernando Fernandes, sou co-responsável por ele”, antecipou.

Ele admitiu ter sido um presidente “encrenqueiro” e já adiantou que o vereador Eduardo Nóbrega será muito mais encrenqueiro e vai protagonizar sessão históricas e polêmicas, fazendo uso do seu conhecimento amplo do regimento interno. 

Sobre a proximidade cada vez mais estreita com grupos da oposição Eduardo Nóbrega diz que seu nome ganhou espaço e respeito em razão da sua postura pessoal. 

“A classe política de Taboão reconheceu minha conduta e isso é uma grande honra para mim. A classe política considera minha linha de conduta clara e honesta, além disso, tenho uma relação cada vez mais estreita com a população. Tem algo haver com um novo termo de político herói que ainda não domino muito bem, mas que as pessoas enxergam no líder do PR”, finalizou.  

21/04/2018

Governo diz que terá de adiar reajuste de servidor para fechar contas em 2019

Para tentar impedir a paralisação da máquina administrativa e dos investimentos públicos no ano...

21/04/2018

Vereador Marcos Paulo elogia atuação da GCM em Taboão da Serra

O vereador Marcos Paulo vem usando a tribuna da Câmara Municipal para elogiar o trabalho...

21/04/2018

Câmara Municipal aprova título de Cidadão Taboanense para o padre Weliton Angeli

Na sessão da última terça-feira, dia 17, os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por...

21/04/2018

Presidente Joice Silva e as vereadoras Priscila e Rita receberam prêmio

A presidente da Câmara de Taboão da Serra, Joice Silva e as vereadoras Priscila Sampaio e Rita...

20/04/2018

Prefeito Fernando firma parceria com MP para implantação da Patrulha Guardiã

O prefeito Fernando Fernandes assinou na quinta-feira (3), o Termo de Cooperação com o...

20/04/2018

Anderson Nóbrega é nomeado novo secretário de esportes em Embu das Artes

Na tarde da última quinta-feira (19), em Embu das Artes, o prefeito Ney Santos nomeou Anderson...

18/04/2018

Senado aprova projeto que obriga escolas a combaterem bullying

O Senado aprovou, nesta terça-feira (17), o projeto que obriga as escolas a desestimularem seus...

17/04/2018

Após revisão, governo anuncia cancelamento de 422 mil benefícios sociais

Após um trabalho de revisão de benefícios sociais concedidos pelo governo federal, 422 mil serão...

14/04/2018

Câmara Municipal entrega título de Cidadão Taboanense ao padre Kirano

No último domingo, dia 8, a Câmara Municipal de Taboão da Serra entregou o título de Cidadão...

12/04/2018

4º Encontro de Autismo reuniu quase mil pessoas no Cemur, em Taboão

Quase mil pessoas participaram do 4º Encontro de Autismo de Taboão de Serra, realizado no...

21/04/2018

Febre amarela continua se expandindo pelo país

Embora os casos confirmados de febre amarela tenham diminuído no Brasil nas últimas três...

21/04/2018

Candidatos desempregados aceitariam ganhar menos que no emprego anterior

Pesquisa divulgada pela Robert Half, empresa de recrutamento e seleção, mostra que 70% dos...

21/04/2018

Governo diz que terá de adiar reajuste de servidor para fechar contas em 2019

Para tentar impedir a paralisação da máquina administrativa e dos investimentos públicos no ano...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.