Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Adolescente de 17 anos é achada morta e com sinais de violência sexual no Embu

Por Sandra Pereira | 18/11/2014

menina

Divulgação FacebookMenina foi achada morta ao lado da escola onde estudava no Vista Alegre

Uma adolescente de 17 anos, moradora do Jardim Vista Alegre, em Embu das Artes, foi encontrada morta e com sinais de abuso sexual. A garota cursava o 2º ano do ensino médio na escola Amélia dos Anjos Oliveira, no período noturno. A morte cruel da menina chocou amigos, familiares e toda a comunidade escolar. O corpo dela foi sepultado nesta terça-feira, 18. O estupro da garota é um dos vários casos que aconteceram na região esse ano. 

A menina fez aniversário no dia 29 de outubro. Estava desaparecida desde o dia 13 de novembro. Amigos e parentes deixaram recados na perfil dela no Facebook pedindo que desse notícias e afirmando estarem preocupados.  

A garota foi encontrada por populares. O corpo  apresentava várias queimaduras com ponta de cigarro e sinais de enforcamento. A morte trágica dela causou medo no bairro onde a violência é constante. Com medo da violência vários pais de alunos da escola mudaram a rotina e estão levando e buscando os filhos.

A adolescente morava nas imediações da paróquia Santa Otília. Era considerada uma menina alegre e sempre disposta a conversar e aconselhar os amigos. A família dela é bastante conhecida no Vista Alegre.

Na página dela do Facebook existem centenas de depoimentos lamentando o assassinato cruel e pedindo justiça. 

A reportagem do Jornal na Net entrou em contato com a escola Amélia dos Anjos Oliveira, que a adolescente estudava mas nenhuma informação foi passada sobre o ocorrido. Segundo funcionárias da escola, as aulas estão acontecendo normalmente.  

Atualização de informação: 

Ao contrário do que divulgamos na versão inicial da matéria a jovem tinha 17 anos e não 14. 


Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.